A Maçonaria e os Judeus e Palestinos

A Maçonaria e os Judeus e Palestinos

A maçonaria é uma instituição que prega a paz e a convivência pacífica entre os povos. Seus membros vivem como irmãos e se reconhecem como tal. Nas lojas maçônicas é comum encontrar membros de diversas religiões convivendo pacificamente.

O último Grão-Mestre da Grande Loja do Estado de Israel foi Nadim Mansour, árabe palestino, de religião cristã ortodoxa. Este Grão-Mestre nasceu em Haifa e se mudou para Acre aos cinco anos de idade; foi iniciado em 1971 na Loja “Akko”, da qual seu pai foi um dos fundadores, e em 1980 tornou-se seu Venerável. Nadim Mansour é também grau 33 do Rito Escocês Antigo e Aceito.

A Grande Loja de Israel teve já dois Grão-Mestres palestinos: YakobNazih, de 1933 a 1940, e Jamil Shalhoub, de 1981 a 1982. Um maçom de origem árabe sendo Grão Mestre de uma Potência Maçônica de judeus é a demonstração que é possível viver em paz nesta região do oriente médio. E não somente a paz, mas a fraternidade pode reinar entre árabes e judeus, como provado está na maçonaria da Grande Loja de Israel.

A Grande Loja do Estado de Israel foi instalada em 20 de outubro de 1953, em Jerusalém, embora esteja sediada em Tel Aviv. A 1ª Loja na região foi a Loja Rei Salomão Nº: 293, filiada à Grande Loja do Canadá, e teve sua primeira reunião realizada no lugar chamdo pedreiras do Rei Salomão no dia 07 de maio de 1873. Cinco anos antes havia ocorrido uma reunião no mesmo local, porém sem existir uma Loja regularmente constituída. Posteriormente a isso, houve outras Lojas na região, filiadas a extinta Grande Loja da Palestina.

São cinco religiões diferentes que participam da maçonaria israelense contando com mais de 1200 membros, distribuídos em 56 Lojas Simbólicas ativas, as quais em sua maioria trabalham no Rito de York. Como o Estado de Israel é formado por diversas etnias as lojas trabalham em dez idiomas, o mais comum é o hebraico seguido de árabe, inglês, francês, húngaro, romeno, turco, russo, alemão e espanhol.

A  Grande Loja de Israel mantém os princípios da maçonaria universal, obedece as constituições maçônicas universais e os princípios gerais de Liberdade, Igualdade e Fraternidade reconhecendo os direitos e deveres dos maçons como em qualquer outro país, sem determinações especiais. A Grande Loja de Israel adota no Selo de sua representação oficial a Cruz, a Lua Quarto-Crescente e a Estrela de Davi simbolizando o Cristianismo, o Islamismo e o Judaísmo.

Nas lojas são adotados como Livro Sagrado em seus altares a Bíblia, o Alcorão e a Torah satisfazendo todos os Irmãos, respeitando a fé de cada um. Esta é a confirmação que a maçonaria promove a concórdia e a paz  entre seus membros e, consequentemente entre os povos. Se o exemplo que a maçonaria dá em Israel fosse seguido pelos povos da região teríamos, sem dúvidas, a diminuição dos conflitos e o aumento da tolerância com as diferenças culturais e religiosas dos envolvidos. Mesmo com o estado atual das atitudes entre os governantes da região a maçonaria continuará trabalhando para ver feliz a humanidade, respeitando as leis e os costumes, levantando templo para a virtude e cavando masmorras ao vício, sem limites de fronteiras ou raças.

Honório Sampaio Menezes, 33º, REAA, Loja Baden-Powell 185, GLMERGS, Porto Alegre, RS, Brasil

  2Comments

  1. guilherme loser queiroz   •  

    Ir.’. Honório S.Menezes

    Já conhecia a matéria através do site da Loja em Israel, todavia, parabenizo
    o irmão por divulgar esse exemplo de união entre os povos, dentro dos princípios de nossa Ordem!
    A loja de Israel dá um grande exemplo para a humanidade, agregando em seu quadro de Obreiros, Judeus, Cristãos e Muçulmanos, em torno dos mesmos princípios que regem as Lojas Maçônicas em toda a terra. E ainda, na região mais conturbada do planeta!

    Gostaria de saber a possibilidade de conseguir adquirir um “boton” da Loja de Israel, pois, terei orgulho de fixar em minha lapela essa verdadeira mensagem de união!

    Dado o primeiro passo, reunindo Judeus, Cristãos e Muçulmanos, as três maiores religiões do mundo, foi dado o exemplo para a união dos povos!
    Shalom, TFA
    Ir. ‘.guilherme queiroz – ARLUP- Loja União e Progresso 0236 – Vitória ES

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>